News Details

  • Home
  • As estratégias por trás dos ataques com o tema do coronavírus.
1 de abril de 2020 Sarah 0 Comments

As estratégias por trás dos ataques com o tema do coronavírus.

  • Série COVID-19: golpes antigos em nova embalagem

É um comportamento comum entre os cibercriminosos aproveitar o fato de que um assunto está em evidência para usá-lo como mote na condução de ataques variados e, desde que a crise com novo coronavírus começou, o tema tem sido usado em diversos golpes. Já foram identificadas ameaças virtuais como aplicativos maliciosos, lojas e sites falsos, correntes no WhatsApp, versões atualizadas de golpes de extorsão e até espionagem usando como tema a COVID-19.

Nesse artigo iremos focar em algumas dessas estratégias que, embora sejam frequentemente usadas por cibercriminosos, podem parecer novidade para muitas pessoas. Também indicaremos algumas recomendações para o combate a estas ameaças.

Phishing é o nome dado para uma variedade de técnicas usadas em diversos golpes. A palavra faz referência à pescaria (fishing) de vítimas. Várias estratégias tratadas aqui podem usar pelo menos uma técnica de phishing, mas, grosso modo, isso significa emitir mensagens para persuadir a vítima a fazer algo como clicar em um link, abrir um arquivo ou instalar um vírus de computador.

Dentre as mensagens ligadas à COVID-19, foi explorado, por exemplo, o fato de que uma grande empresa doará álcool em gel a hospitais para extrapolar a notícia, dizendo que essa doação abrangeria também pessoa físicas e pedindo para que as vítimas se cadastrem em um site falso. Aproveitaram também que o governo aventou a possibilidade emitir vouchers de R$ 200,00 para pessoas em situação mais frágil para criar uma página falsa coletando informações das vítimas. Outro caso busca chamar a atenção das pessoas para um vídeo da construção do hospital chinês para o tratamento da doença, mas quando o usuário clica no vídeo, faz o download de um vírus de computador.